pt | en | es | de | ja | Entrar

newscapa

acervo Paulo Moura

acervo Paulo Moura

Na clarineta ou no saxofone, como quem respira, Paulo Moura fez música durante seis décadas. A cada dia inspirava-se em partituras e escritos de arranjadores populares e compositores eruditos e contemporâneos ou no pio de um pássaro. Refletia padrões estéticos e estruturas harmônicas, ponderava improvisos e técnicas de interpretação. Pesquisava o som como um menino. E a disciplina rigorosa de um devoto, um criador humilde diante de seu dom, na busca por excelência em sua arte. A música o chamava, dizia.

Neste acervo você encontra seu trajeto profissional e íntimo, o caminho que o levou do interior de São Paulo aos palcos premiados do mundo. Desde pequenos vestígios arranhados em anotações de estudos e textos, até as partituras autorais populares e eruditas para pequenos grupos instrumentais ou grandes grupos sinfônicos, parte de seu vasto repertório. Reflexos de um zelo constante pela transcriação e incorporação de referências da música afro e brasileira, europeia e americana, reunindo estas vozes múltiplas para fundi-las num processo criativo exuberante. Arranjos e improvisos. Gafieira, samba, choro, bossa nova, jazz e clássicos. Uma arquitetura musical polifônica. Colhemos todos os fragmentos, cada esboço do que foi seu gesto criativo, para que você, quando navegue por esta imensidão fecunda, se deixe embalar por uma vaga de descobertas.

Agora, é a música de Paulo Moura que nos chama.

Conjuntos no acervo

Expandir


Selecione um conjunto para navegar suas coleções.